11/01/2021

Após a PF confirmar a publicação do edital para ainda este mês, o Presidente da República também se posicionou a respeito. Remunerações iniciais entre R$ 12 mil e R$ 23 mil reais!

A publicação do edital do concurso da Polícia Federal foi novamente prevista para janeiro. No último domingo (10.01), o Presidente Jair Bolsonaro reafirmou a previsão da PF. A confirmação se deu através da conta no Twitter do presidente, em uma postagem, na qual falava sobre o desempenho da PF e também, dos investimentos federais na corporação.

Anteriormente, no início deste mês, a PF, através da sua diretora de gestão de pessoal, confirmou que a corporação trabalha para publicar o edital de abertura na segunda quinzena de janeiro. 

 

Cursos on-line Aprovadores - Estude para a PFem até 12 vezes s/juros

 

Concurso PF 2021:  cidade cenográfica 

Outra novidade, divulgada há poucos dias pela Polícia Federal, é a construção de uma cidade cenográfica. Através das redes sociais, a corporação informou que a construção terá como finalidade, capacitar os policiais e também os alunos do Curso de Formação Profissional. Nesse sentido, a cidade cenográfica apresentará uma fração da realidade, através de 35 ambientes que simulam os locais de atuação no dia a dia da PF.

“Em ambiente controlado e minuciosamente preparado, os alunos encontrarão um treinamento de excelência, com situações que exijam ação ou reação policial e contarão com apoio e orientação de professores e monitores de diversos cargos, levando-os, desde a formação profissional, a reconhecer a importância e a imprescindibilidade do trabalho em equipe no cumprimento do dever funcional”.

Também de acordo com a publicação, o contrato que autoriza as obras foi assinado em 31 de dezembro de 2020 e a previsão de finalização da cidade cenográfica é de 4 meses. Com isso, os candidatos aos cargos providos no próximo concurso da PF já poderão usufruir desta nova estrutura durante o Curso de Formação Profissional.

 

Provas em março?

Conforme já noticiamos, a Polícia Federal recebeu o aval do Ministério da Economia para realizar as provas do concurso em no mínimo dois meses após a divulgação do edital. A autorização foi publicada no Diário Oficial da União do dia 6 de janeiro. 

A liberação veio da Secretaria Especial de Desburocratização, vinculada ao Ministério da Economia, e foi assinado pelo secretário especial Caio Mário Paes de Andrade. Assim, caso a previsão do edital ainda este mês se confirme, os candidatos já poderão contar com a aplicação das provas em março de 2021.

A banca do concurso já está definida desde o dia 29 de dezembro, será a Cebraspe, a mesma banca que organizou o último certame da PF, realizado em 2018. A partir de então, a última etapa para a abertura oficial do concurso, será a publicação do edital.

Concurso PF 2021: distribuição das vagas

Embora a autorização do concurso,  publicada em dezembro de 2020, confirme  o provimento de 1500 vagas, a Polícia Federal pretende nomear 2 mil aprovados até 2022. Com isso, serão 1.500 vagas já para provimento em 2021 e após, serão chamados 500 excedentes em 2022.

Confira a distribuição das vagas, conforme autorização:

  • 123 cargos de delegado de polícia federal;
  • 400  cargos de escrivão de polícia federal; 
  • 84 cargos de papiloscopista policial federal; 
  •  893 cargos de agente de polícia federal. 

 

Concurso PF 2021:  requisitos e remunerações

Para os quatro cargos oferecidos pelo próximo certame, será exigido nível superior completo, além de carteira de habilitação na categoria B. No entanto, para as vagas de delegado, a graduação deverá ser em Direito e também, será necessária a comprovação de três anos de atividade jurídica ou policial.

A remuneração inicial para os cargos de Agente, Escrivão e Papiloscopista será de R$ 12.522,50, chegando a ultrapassar os R$18 mil reais ao alcançarem a classe especial da categoria. Já para  Delegado da Polícia Federal, os vencimentos mensais partem de R$ 23.692,74 e, ao chegar na categoria especial, supera os R$ 30 mil reais.

Vale ressaltar que, durante o Curso de Formação Profissional, os candidatos receberão auxílio financeiro equivalente a 50% do subsídio da classe inicial do cargo. Ademais, todos os nomeados serão contratados por meio de Regime Estatutário, com estabilidade.

 

Você também poderá gostar:

 

Resumo do concurso PF

  • Órgão: Polícia Federal
  • Abrangência: Nacional
  • Requisitos: nível superior
  • Vagas: 2 mil vagas confirmadas
  • Cargos: Agente de Polícia Federal, Escrivão, Delegado e Papiloscopista
  • Remuneração inicial: de R$12.522,50 a R$ 23.692,74
  • Banca: definida - Cebraspe
  • Status: edital em breve
  • Último edital: clique para baixar