O USO DE MNEMÔNICOS PARA MEMORIZAÇÃO DE CONTEÚDOS

O USO DE MNEMÔNICOS PARA MEMORIZAÇÃO DE CONTEÚDOS

Se você já sofreu para memorizar algum assunto ou matéria nos seus estudos para concurso este artigo é justamente para que isso não seja mais um problema na sua vida. Para driblar essa dificuldade e ajudar a lembrar os conteúdos a técnica Mnemônica é um ótimo aliado na hora dos estudos.

Com pouco esforço e por meio de truques da mente, você conseguirá tornar as memórias mais duráveis e não precisará de desculpas para explicar que a sua memória não é boa.

Young businessman in casualwear and eyeglasses making notes in cafe

COMO FUNCIONA?

Esse gatilho de memórias pode ser criado por meio de imagens, símbolos, palavras, esquemas e até frases relacionadas a matéria que você pretende memorizar. Dessa forma você conseguirá associar de maneira mais rápida e eficiente determinados assuntos.

São várias técnicas Mnemônicas que podem ser utilizadas. Traremos 4 exemplos para que você possa optar pelo que melhor se adequa ao seu perfil.

1 – ACRÓSTICOS: Frases formadas por palavras cuja a primeira letra é a dica para o que precisa ser memorizado. Nada mais é do que você formar uma palavra que queira memorizar e coloca-la na vertical. Lembre-se que cada letra da palavra formada deve ser a inicial de itens que você deseja memorizar.

2 – ACRÔNIMOS: É bem conhecida e prática. São abreviações de nomes de organizações. A idea é reduzir o nome das instituições as suas iniciais. Criar siglas com as inicias de cada palavra, por exemplo, PEC: Proposta de Emenda Constitucional.

3 – PALAVRAS CHAVES: Esta técnica funciona para criação de imagens e significados. Aqui você vai precisar ser muito criativo, pois não é fácil lembrar a tradução de palavras do inglês para português, por exemplo.

4 – MÚSICAS: Sendo mais especifico é bem melhor fazer paródias com músicas que estejam no seu dia-a-dia, pois assim você terá contato com a canção e sempre lembrará os conteúdos que você inseriu na letra da sua paródia.

Todas as técnicas citadas acima devem te ajudar a criar lembranças na hora da prova. Mas cuidado para não exagerar na quantidade de mnemônicos durante a prova, você pode acabar se confundindo e a técnica que seria para te ajudar pode acabar te atrapalhando. Use com responsabilidade estas dicas e com elas esperamos te ajudar na busca da nomeação.

Deixe uma resposta