Etapas do concurseiro: da ideia à aprovação

Etapas do concurseiro: da ideia à aprovação

Assim como o concurso público possui seu passo a passo que vai desde a decisão sobre a abertura de um novo edital até a nomeação dos candidatos aprovados. O concurseiro também passa por várias etapas e é sobre essas etapas do concurseiro que vou falar no blogpost de hoje!

Muitas coisas mudam na vida de alguém quando decide participar de um processo seletivo de algum concurso. As mudanças são necessárias para o concurseiro alcançar a sua posse.

É preciso enfrentar as diversas dificuldades que vão aparecer no caminho e persistir para chegar na sonhada nomeação. Vamos às etapas que um concurseiro passa desde quando decide se inscrever no concurso até a sua nomeação. Vem comigo!

Etapas do concurseiro:

1 – Mudar de vida

O objetivo de muitos concurseiros ao entrar no serviço público é mudar de vida, já que a carreira pública é mais estável e a remuneração é melhor. Esse desejo pode acontecer quando ainda está no ensino médio.

É mais comum o desejo aparecer depois de graduado, muitas pessoas não conseguem empregos na sua área de atuação e acabam por fazer concurso público.

Quando o desejo surge no futuro concurseiro é iniciada a jornada de saber mais sobre a vida de concurseiro.

2 – Escolha do concurso

Agora que está decidido virar um concurseiro, a segunda etapa é escolher em qual se inscrever. Um bom começo para escolher o concurso é pela área.

Qual a área de atuação que você gostaria de trabalhar? Procure saber as informações principais como cargos que você pode atuar, suas atribuições, remuneração, jornada de trabalho e atuação pública.

Para ajudar nessa etapa confira algumas dicas no blogpost: Como escolher uma área de estudos para concursos.

3 – Começando os preparativos

Para alcançar sua nomeação, a preparação é algo fundamental para um concurseiro. É muito importante fazer um cronograma para se preparar melhor.

Não precisa esperar o edital ser publicado para começar a estudar. O conteúdo é muito extenso, sendo quase impossível se preparar e dominar nesse tempo. Uma boa revisão nesse período é o mais ideal.

Leia o edital anterior, faça uma lista dos conteúdos passados e estude baseado neles. Faça também um controle de estudos para visualizar seu desempenho e suas dificuldades, assim, quando o edital oficial for publicado, você saberá onde se dedicar mais.

Teste métodos de estudos, cada um aprende mais e melhor de algum jeito. Há vários métodos para você se concentrar, melhorar sua memória e estudar. Pesquise sobre eles e teste até encontrar um que seja o melhor para você.

4 – Preparação pré-edital

Já faz um tempo que você estuda para o concurso e ele está se encaminhando. O concurseiro que havia em você já despertou e está a todo vapor, ansioso pelo edital.

É importante nessa fase que você faça bastante exercícios e simulados, já que logo mais o edital pode ser publicado. Você deve saber bem os seus pontos fracos para focar neles e melhorar até lá.

Se houver prova discursiva ou oral, não esqueça de treinar sua redação ou oratória. São duas coisas que só se melhora treinando e quanto mais fizer melhor será.

5 – Preparação pós-edital

Edital publicado, que alegria hem! Agora sim é para valer.

A primeira coisa é ler o novo edital para poder atualizar o seu cronograma e o controle de estudos.

Sabendo melhor como vai ser o concurso e com boa parte dos conteúdos estudados, foque nos que ainda tem mais dificuldade para estudar. Naqueles que você tem mais facilidade, faça diversas atividades para melhor fixação do conteúdo.

Faça uma boa revisão antes da prova.

6 – Estudos x vida social

Nem só de apostilas, videoaulas e simulados vive um concurseiro. Além de ter sua rotina voltada para o concurso, é importante não esquecer da família, do lazer e dos amigos.

Você estará muito focado em alcançar sua posse, mas desopilar às vezes com os amigos ou a família é muito bom. Ajuda a aliviar o stress que estudar para um concurso provoca.

É preciso estudar e cuidar da saúde mental, sem ela nossa inteligência emocional é afetada e nosso desempenho também.

Estude em um ambiente calmo, tranquilo, organizado, sem muitas coisas que podem induzir distrações. Em um lugar organizado nosso cérebro compreende melhor o que está sendo estudado.

Coma bem e saudável, faça exercícios físicos! Cuide da sua saúde, ela influencia nosso cérebro e com uma alimentação adequada se tem melhor disposição.

7 – Aprovado!

Depois de muita luta e dedicação, de ter escolhido os livros àquela festa que queria muito ir, você conseguiu: alcançou sua posse!

Agora a preocupação é com as etapas seguintes à nomeação: posse e exercício. Confira novamente quais os documentos e prazos de cada etapa.

É um caminho longo e árduo, mas no final vale a pena. Pode não ser no primeiro concurso que você vai passar, o que importa é não desistir e se dedicar o máximo sempre!

Precisando de ajuda para se preparar para um concurso?

Deixe uma resposta